Vida é mais do que ser Um bom jogador de futebol

Partilhar no FacebookPartilhar no Twitter

Olhando para trás posso afirmar que a minha vida sem Jesus não fazia qualquer sentido. Mas por estranho que pareça eu tinha sucesso. Era um bom goleiro; joguei num dos melhores clubes do mundo, o Bayern de Munique, durante 13 anos, dos iniciados aos seniores.

 

A minha vida nocturna "cresceu" proporcionalmente ao meu sucesso no futebol; cheguei ao ponto de colocar este estilo de vida acima de tudo o resto.

Depois do Bayern fui jogar para o Graz AK na Áustria; ali comecei a aperceber-me de que a minha qualidade de vida era cada vez menor e o vazio dentro de mim cada vez maior. Comecei a ficar apreensivo e receoso e de alguma forma a minha personalidade começou a transformar-se. O relacionamento com a minha namorada, hoje minha esposa, e com os meus pais foi-se deteriorando. As lesões começaram a aparecer, comecei a ficar sem jogar; parecia que tudo ia de mal a pior. Nesta altura o meu problemas era que tinha sempre presente a dor mas não tinha paz sem qualquer tipo de alegria. Tentei alterar o rumo dos acontecimentos pelos meus próprios meios, sem qualquer sucesso. A minha vida não podia continuar assim... eu precisava de ajuda!

Comecei a orar a Deus pedindo-Lhe que me mostrasse o que eu precisava fazer. Uns dias depois, na minha caixa de correio, estava um folheto oferecendo-me uma Bíblia. Preenchi o cupão e em pouco tempo tinha a Bíblia nas minha maõs. Comecei a ler e a ver o quão real Deus era e quão fascinante era as escrituras. Finalmente comecei a compreender a fragilidade da vida e a forca destruidora do pecado. Apercebi-me que precisava de Jesus e de Sua orientação para experimentar a paz que tanto desejava. Continuei a ler a Bíblia regularmente e senti que Deus me desafiava para Lhe entregar a minha vida, e foi o que fiz.

Agora, em Portugal, posso ver as mudanças que Ele já efectuou em mim: o vazio do meu dia a dia foi preenchido pela paz, serenidade e alegria que eu tanto procurei.  Esta é a minha experiência, mesmo em tempos de grandes tribulações e incertezas. não sei o que seria de mim se não tivesse tomado a decisão mais importante da minha vida: convidar Jesus a ser o meu salvador!

Tomas Tomic

Goleiro do Bayern de Munique, Graz AK, Vítoria de Guimarães

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

KZ Contratipos